Nossa luta pela transparência continua. Aqui você sabe quanto foi repasado à conta do FUNDEB

DO JUIZ AO RÉU, TODO MUNDO LÊ O BLOG EDUCADORES DE PORTEL

sábado, 17 de setembro de 2016

Portel: Velhas práticas de doar cestas básicas em troca de votos são flagradas por populares

Foto: Grupos de Whatsapp
Há uma longa distância entre o discurso e a prática de alguns candidatos no atual processo de eleição de candidatos à majoritária no município de Portel. Se por um lado, há um apelo à juventude, com propostas interessantes e de boa natureza, o exemplo é dos piores. 

Na madrugada de hoje, 17, jovens que representam grupo da juventude foram surpreendidos por populares ao invadir bairros periféricos da cidade distribuindo cestas básicas. As fotos são comprometedoras e identificam claramente as ações dos integrantes da Coligação Portel na Estrada do Desenvolvimento, que apoia o candidato à reeleição Paulo Ferreira.

Foto: Grupos de Whatsapp
Segundo moradores das proximidades, a distribuição das cestas básicas teve como fonte um supermercado localizado na Cidade Nova, o mesmo que fornece merenda escolar para as crianças das escolas do município.

Consegui fotos tanto da distribuição das cestas básicas como também de dentro do estabelecimento comercial que forneceu a distribuição e contribuiu para o acometimento do crime eleitoral. O problema é a Justiça entender como crime, já que toda e qualquer denúncia é sempre caracterizada como "INSUFICIENTE". Dá até desgosto de estar numa campanha política desigual, onde a prática da compra de votos diante de um quadro negativo de fome e miséria se prevalece sobre a representação legítima de cidadãos que pensam no bem estar desta cidade, enquanto que alguns pensam exclusivamente em seus patrimônios, que não param de crescer.

Em recente manifestação pública, denominada de "buzinaço", o escancaramento era tanto que o mesmo supermercado esvaziou todo o estoque de bebida, no sentido de convencer a juventude a ir a peso de álcool, como o famoso garrafão de vinho de 5 litros denominado de "Vovozão". Além da bebida, distribuição de combustível também foi flagrada por uma equipe, que filmou uma fila enorme, com bandeira e tudo, desde moto até carros, fato acontecido em dois postos de combustível da cidade, sendo um na Rua da Vivência e outro na Rua Duque de Caxias.

Foto: Grupos de Whatsapp
Tais cestas básicas deveriam é estar nas escolas, através da merenda escolar, que está ou não chegando ou chegando em pouca quantidade. Segundo relatos de alunos e pais de alunos das comunidades ribeirinhas, a merenda escolar chega a durar de 3 a cinco dias. As informações vêm de todos os 4 rios de Portel. Não se sabe, oficialmente, os motivos dessa precariedade no fornecimento da merenda escolar, enquanto que há fartura na distribuição de cestas básicas com fins de obter votos. E tudo é feito na cara de pau, como se contassem com o apoio dos setores constituídos.
 
Confira as fotos, pois elas valem mais do que mil palavras:


Foto: Grupos de Whatsapp


Foto: Grupos de Whatsapp
 


Postar um comentário