Nossa luta pela transparência continua. Aqui você sabe quanto foi repasado à conta do FUNDEB

DO JUIZ AO RÉU, TODO MUNDO LÊ O BLOG EDUCADORES DE PORTEL

domingo, 15 de abril de 2018

SEDUC: Rede das salas via satélite chega a 50

Quinze novas salas de aula do Sistema Educacional Interativo (SEI) vão entrar em operação na próxima  semana.  Nesta sexta-feira (13), duas salas instaladas em Portel tiveram suas atividades iniciadas. A sala da Escola Municipal de Ensino Fundamental Marechal Deodoro da Fonseca, da Vila de Acangatá, distante da sede municipal  cerca de três horas de barco, ficou  lotada de educadores e estudantes que foram conferir como funciona a sala conectada via satélite.  Liderado pelo secretário municipal de educação,  o grupo de 30 pessoas participou do evento que oficializou a chegada do SEI no Marajó. Eles se  concentraram  à  frente da câmara do Sistema  para uma espécie de inauguração da chegada do Ensino Médio regular à comunidade de Acangatá e Vila Gomes.  E  se comunicaram  com Belém, onde a coordenadora do SEI, professora Márcia Ribeiro, “ancorava” o evento, direto do estúdio do Centro de Mídia.
Projeto pioneiro fará diferença educacional

Portel é o primeiro município da região do Marajó a efetivar as atividades  novo sistema de Ensino Médio implantado pela Seduc.  São duas salas – além da escola de Acangatá, a da Vila Gomes também se conectarão na segunda-feira (16) para receberem aulas em três turnos (1º ano pela manhã, 2º à tarde e 3º ano à noite).
Menos por ser uma novidade tecnológica e mais por representar  o ponto de partida de um novo momento do  Ensino Médio  para 165  alunos matriculados  nas duas salas (68 e Acangatá e 97 em Vila Gomes), o evento foi festejado pelo secretário Rosivaldo Paranhos, representando o prefeito  Manoel Oliveira,  como resultado da “soma de esforços, de uma parceria  do município com  o governo do Estado” - disse ele na frente da câmera instalada na escola de Acangatá.
A “inauguração” da  sala aconteceu no intervalo do turno da manhã desta sexta-feira, entre as aulas de inglês e de Sociologia do SEI. O evento foi “ancorado” pela coordenadora do SEI, professora Márcia Ribeiro, que agradeceu o apoio do município e destacou que os alunos terão “aula de qualidade todos dias do período letivo”. E desejou que os alunos “possam fazer uso dos conhecimentos que vão receber, e assim melhorar a qualidade de vida, avançando nos estudos”.
A Secretária de Estado de Educação, Ana Claudia Serruya  Hage gravou uma mensagem  em vídeo, exibido durante o evento, parabenizando o prefeito pela “iniciativa de apoiar um projeto pioneiro que fazer a diferença educacional; que vai preparar melhor os alunos para processos seletivos, para o Enem e  a vida profissional”, disse a secretária.
“Experiência dará certo com união”

Ao vivo, o secretário da educação de Portel disse também que o Ensino Médio é um desfio num município com as dimensões de Portel, o que “exige um regime de colaboração”. Destacou que a orientação do prefeito é para não medir esforços para a implantação do SEI no município. “Estamos com o governo do Estado somando esforços para que o Ensino Médio  chegue a todas as comunidades do município. Essa será uma experiência que vai dar certo com união. Temos que saber a usar as tecnologias que temos hoje”, afirmou. E,  conclamando os alunos para não faltem às aulas e não desistirem da escola, desejou que eles “saibam usufruir e valorizar os recursos que estão sendo disponibilizados  pelo sistema”.
O  novo Sistema de Ensino Médio regular  (as aulas são como em uma escola comum e regular) está sendo implantando desde fevereiro para ampliar a oferta de vagas em localidades do interior do Estado. É um dos componentes do Programa de Melhoria da Qualidade e Expansão da Cobertura da Educação Básica do Estado do Pará, preconizado pelo Governo do Estado no âmbito do Pacto pela Educação.
Número de salas conectadas se ampla
O SEI está presente em 22 comunidades de 17 municípios. As duas salas de Portel começam a receber as aulas nesta segunda-feira (16). E nos próximos dias, a rede  chegará a 50 salas conectadas ao Centro de Mídias do Sistema.  Serão instaladas, na próxima semana,  mais seis salas em Tucuruí,  quatro em Placas, uma em Uruará e quatro em Alenquer.
O Sistema utiliza tecnologia de comunicação via a satélite para levar aulas ao vivo,ministradas a partir de um estúdio equipado com recursos de produção de conteúdos para suporte didático. Na prática, as aulas, além do ministrante da disciplina, têm o apoio de um professor junto aos alunos e de um terceiro que dialoga com eles, em tempo real, por meio de um serviço de chat que dispensa conexão de internet.

 

Postar um comentário