Nossa luta pela transparência continua. Aqui você sabe quanto foi repasado à conta do FUNDEB

DO JUIZ AO RÉU, TODO MUNDO LÊ O BLOG EDUCADORES DE PORTEL

domingo, 21 de fevereiro de 2016

Uma prévia sobre a eleição de 2016

Quem são os candidatos a prefeitura de Portel? É uma pergunta que se faz e preocupa os cidadãos do município, sobretudo porque parece que os idealizadores de política estão a servir um prato de comida único, sem opção de comer ou engolir outra coisa. Ou vocês pensam que o povo tem ingerência alguma sobre seus destinos?

Hoje, o destino da cidade está nas mãos de alguns grupos políticos que procuram saciar suas próprias fomes, enquanto que a fome do povo é de dor e não de vaidade. Joguinhos são armados conta um povo que não debate, os propositores dos das discussões veiculam assuntos não relacionados à realidade. Tanto que o lendário PÃO E CIRCO (panem et circenses, no original em Latim) como ficou conhecida, era o modo com o qual os líderes romanos lidavam com a população em geral, para mantê-la fiel à ordem estabelecida e conquistar o seu apoio. Esta frase tem origem na Sátira X do humorista e poeta romano Juvenal (vivo por volta do ano 100 d.C.) e no seu contexto original, criticava a falta de informação do povo romano, que não tinha qualquer interesse em assuntos políticos, e só se preocupava com o alimento e o divertimento).

É do conhecimento de todos que houve uma revolta na Câmara, chamada de revolta dos 7, numa tentativa de mostrar à sociedade que o uso da máquina não deve ser pessoal, no sentido de enriquecer indefinidamente. 

Houve, ontem, uma reunião do suposto grupo de Pedro Barbosa na boate Castanheira, sem nenhuma repercussão na sociedade, exceto esta publicação. Dizem que a coisa foi pífia, sem esquecer que Pedro detém uma condenação no Tribunal de Contas da União, esta no caso da feira do produtor onde um dia exerceu o fascínio do lazer por ser a hoje falecida PRAIA DO AREIÃO.

Do lado do poder reinante em Portel, Paulo Ferreira diz por aí que não é candidato a prefeito, até sugerindo que alguns nomes mensurados como ofensivos ao desenvolvimento da cidade vem sendo apenas manipulados. De fato, sob a luz dos julgamentos de ações futuras, talvez seja possível indicação de nomes para isso, mas há quem creia que é apenas uma alimentação de sonhos, que ele seja o candidato que provou do poder e gostou. 

Sei que sou lido do juiz ao réu, só parafraseando o  DJ Pedrão de Belém,  por isso confesso que minha luta social não é pessoal, não tenho raiva ou rancor de ninguém, pois há maiores fundamentações, do porte da minha vivência pregressa. Isso posto, vejo que a análise política ainda precisa ser abordada é do campo da política e esta é decidida não com os interesses da sociedade, que padece de fome, desemprego, de amplos aspectos já evidenciados neste blog. 

Referências

Política do pão e circo. Disponível em: <http://www.infoescola.com/historia/politica-do-pao-e-circo/> Acessado em 21 fev 2016, 17:29:31. 
Postar um comentário