Nossa luta pela transparência continua. Aqui você sabe quanto foi repasado à conta do FUNDEB

DO JUIZ AO RÉU, TODO MUNDO LÊ O BLOG EDUCADORES DE PORTEL

quinta-feira, 5 de maio de 2016

Três vereadores votam contra Moção de Repúdio ao posto assassino

Moção de repúdio - A Câmara de Vereadores de Portel reuniu ordinariamente nesta quinta (5) e ala governista provocou novo escândalo.

A vereadora Semone Moura (PT) propôs uma Moção de Repúdio contra a onda de distribuição de óleo adulterado aos barqueiros que prestam serviço à SEMED e, tal combustível, causou sérios danos físicos e psicológicos nas vítimas, que são ribeirinhos.

Dos 13 vereadores que compõem a atual Câmara, 12 estavam presentes. O vereador Emerson Lobato se ausentou, sem justificativas plausíveis. Mas o que causou indignação foi o posicionamento dos vereadores Francisco Angelo Junior, Enos Perdigão e, mais ainda, Pedro Leite, este por ser do interior e representa o setor rural. Motivo: votaram contra a moção.

INVESTIGAÇÃO

Soube que o locutor da rádio Arucará, Viola de Jesus, foi ameaçado por um governista. Se for verdade, este não é o único, pois já recebi denúncias de outras pessoas sendo coagidas.

Ontem soube que a Polícia Civil esteve na região do Anijó, no sentido de ouvir as vítimas de queimaduras e parentes. Antes da polícia chegar, um homem ameaçava os ribeirinhos. Também ouvi dizer que há proposta de indenização extrajudicial às vítimas. Isso não é, caso fique comprovado, indenização, mas coação.

Na tarde de hoje, enviaram-me mensagens alertando sobre a presença de agentes da Agência Nacional do Petróleo no posto Cidade de Portel. Mas, estranhamento, os contêineres de plástico não mais estavam no calçadão da rua Duque de Caxias.
 
Postar um comentário