Nossa luta pela transparência continua. Aqui você sabe quanto foi repasado à conta do FUNDEB

DO JUIZ AO RÉU, TODO MUNDO LÊ O BLOG EDUCADORES DE PORTEL

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Criação do Território do Marajó é debatida


A criação do território do Marajó foi discutido em uma mesa redonda, ontem, na Universidade Federal do Pará (UFPA). O debate abordou, ainda, a abertura da rodovia Transamazônica, a construção da Hidrelétrica de Tucuruí, os Grandes Projetos e a questão econômica gerada pelo plebiscito, que propunha a divisão do Pará.

“O Oeste e o Sul do Pará se degladiaram com o Centro, no plebiscito. Depois disso, a nossa situação que era já ruim, ficou pior”, considera o presidente da Associação dos Municípios do Arquipélago do Marajó (Amam), Pedro Barbosa. Para ele, o número de eleitores das ilhas implica na situação social e econômica do arquipélago. “O problema é que só temos 200 mil votos”.

O prefeito de Portel afirma que aproximadamente 2 mil crianças do município não têm registro de nascimento e que 25% da população do Marajó é analfabeta. O motivo destes dados, de acordo com ele, é que não interessa aos governos estadual e federal, elevar o Marajó a ter condições de dignidade para a população.

Continue lendo:
Postar um comentário