Nossa luta pela transparência continua. Aqui você sabe quanto foi repasado à conta do FUNDEB

DO JUIZ AO RÉU, TODO MUNDO LÊ O BLOG EDUCADORES DE PORTEL

terça-feira, 29 de março de 2016

Falta de delegado e juiz em Portel impede punição a assassino de professora

Sabendo que Portel está entregue às baratas - NEM DELEGADO TEM -, a família de uma professora fez o papel de investigador e conseguiu identificar o suposto assassino da professora DJANE, morta assassinada dentro de sua própria residência no bairro da Portelinha.

O fato lamentável foi narrado AQUI.

Segundo a família de Dejane, o assassino seria um homem conhecido como Chico, o qual  morava nas próximo à casa da vitima e, de acordo com populares, é um indivíduo muito perigoso.  Chico foi preso em Macapá, mas Portel, infelizmente, não possui um delegado e nem juiz para poder punir esse assassino. Por isso que, por rede social, a família da professora assassinada diz que PORTEL está mesmo entregue às baratas.  "Hoje PORTEL é uma terra sem lei", diz a tia da jovem assassinada
.
Se você sabe de alguma coisa que possa esclarecer esse crime ou sabe de coisas sobre esse assassino, não tenha  medo de falar.  Ajude a amenizar o sofrimento dos familiares dessa jovem trabalhadora e honesta que teve sua vida interrompida de forma cruel, com cinco facadas. 


Postar um comentário