Nossa luta pela transparência continua. Aqui você sabe quanto foi repasado à conta do FUNDEB

DO JUIZ AO RÉU, TODO MUNDO LÊ O BLOG EDUCADORES DE PORTEL

sexta-feira, 6 de julho de 2012

POLÍTICA 2012 EM PORTEL: AS PEÇAS ESTÃO NO TABULEIRO


Após muitas tentativas para fazer uma força de coalizão com os pré-candidatos, não houve acordo e Portel terá, pela primeira vez na sua história política em 255 anos uma corrida eleitoral com 6 candidatos. Nem que para isso tenham recorrido à justiça.

PSDB

O PSDB, que tem até o meio desta semana não havia apresentado um vice para compor com Zaqueu Freitas, acabou escolhendo o nome do empresário madeireiro BR de Oliveira. Durante o mês de junho foi ventilado o nome de Elias Medeiros, fruto de uma articulação mal sucedida. Já no início desta semana, Elza Monteiro, esposa do ex-prefeito Elquias Monteiro, também foi alvo de especulação para ocupar a vaga de vice ao lado do pr. Zaqueu Freitas, já que nessa aldeia não existe índio, só cacique. Ressalte-se, porém, que a senhora Elza Monteiro foi citada na lista encaminhada pelo TCM (Tribunal de Contas dos Municípios) ao TRE (Tribunal Regional Eleitoral) como ordenadora irregular, referente ao período 2002 e 2004, quando estava à frente da Secretaria de Assistência Social. Candidatos ao parlamento, entre outros de menor expressão, são: Neto Monteiro, Paulinho Gavião, enfermeiro Quincas e Roberto Noronha.

PT

Antes da decisão que surpreendeu a todos em relação ao PSDB, o PT e PP já se adiantaram em definir os nomes de Paulo de Oliveira (ex-tesoureiro do FUNDEB) e Dr. Luciano Fonseca, prefeito e vice-prefeito, respectivamente. Muito se falou na possibilidade de Carlos Moura vir como representante do PT, tendo como seu vice o Raimundo Luis, mas o grupo rejeitou os dois por observarem dados de pesquisa que os apontam em baixa apreciação pela comunidade portelense. Mesmo assim, não se acredita na polarização da candidatura do Paulo Oliveira e Dr. Luciano.

PSD

Entre muito disse-me-disse, o candidato Nenem Nascimento tentou acordo com o pr. Eri, que tem larga vantagem nas pesquisas internas, enfim recorreu ao nome do empresário Rosinaldo Pantoja. Muitos dos apoiadores de Nenem Nascimento são oriundos do grupo de Elquias Monteiro, como Tururi, Walter Cordeiro, os quais são candidatos a vereador. Emisson Lobato e Sena Madeireiro também integram o grupo pretendendo uma vaga na Câmara.

PSC

Pr. Eri não quis compor com ninguém, seguiu com seu vice José Valente, mantendo-o desde o início de sua manifestação como pré-candidato. No entanto, Eri pode não fazer nenhum vereador, sendo que o único que se destaca é o madeireiro Judésio, que provavelmente não tem seus 400 votos alcançados no passado.

PDT

Joãozinho (João Henrique Pereira da Costa) já não está sozinho. Após muita discussão nesta quarta-feira, 
tendo como opção os nomes de Rosivaldo Paranhos, Paixão e Dr. Alexandre Adeodato, a escolha se deu neste último. Rosivaldo Paranhos por sua participação na enlameada SEMED e sua administração cheia de tropeços, não pode vir candidato a vice. Neste caso, Alexandre  se destaca, pois é um odontólogo amado na comunidade.

PMDB

Miro Pereira (Coligação Avança Portel) é o destaque, após fracassadas tentativas de Rosângela Fialho em tentar derrubar decisão do diretório regional. Quem não lembra a liminar concedida pelo Juiz Koury, em que mandava desfazer as deliberações do dia 16 de junho? Caiu e assim também as esperanças da administradora da SEMED, um setor cheio de dinheiro, mas tão mal gerenciado (veja esta semana mais um escândalo, a ser publicado a qualquer hora). A liminar veio ao chão porque o juiz Newton entendeu que as decisões do partido são interna corporis, ou seja, nesse caso a escolha é de competência do PMDB, a eleição foi feita pela comissão atendendo à decisão da instância partidária maior. No sábado passado Zé Diniz, mesmo acamado, declarou publicamente o que já vinha sendo comentado nos bastidores de que tem Miro Pereira como seu candidato. A declaração foi ao vivo e por celular durante a convenção do PSB, no Camel. Na mesma ocasião foi declarada a senhora Edinéia Palheta Diniz (Dina), vice de Miro Pereira. Os candidatos a vereador pelo PMDB Adenalva, Natalino soares de Lima, Elenivaldo (Dinho do Balateiro), Jorge Barbosa, José Moreira, André lamary, Bernadina (do Pinho), Jerson Pereira (coligação com PCT – Pra frente Portel), Maria de Fátima da Colônia, Juca Wakimoto, Nizael, Socorrinho, Roze Paranhos, Antônio Carlos Sena, João de Assunção, Leno Gonçalves. A coligação proporcional engloba PMDB e PTC (Partido Trabalhista Cristão), denominada de Pra Frente Portel. Na pesquisa para intenção de prefeito, Miro aparece em primeiro lugar, sem se considerar o apoio que hoje tem da família Diniz, acreditam partidários de Miro Pereira.
Postar um comentário