Nossa luta pela transparência continua. Aqui você sabe quanto foi repasado à conta do FUNDEB

DO JUIZ AO RÉU, TODO MUNDO LÊ O BLOG EDUCADORES DE PORTEL

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Oposição a Miro Pereira se desespera e parte para a violência

Vista parcial do 1º Comício do 15: milhares de pessoas saem às ruas espontanemente
De cara no chão. Essa foi a situação em que ficou a oposição de Miro Pereira após mentir ao povo de Portel que Jader Barbalho não participaria do primeiro grande comício do PMDB. Ao lado do desespero, houve reações violentas por parte de um empresário do setor de combustível.

Jader  Barbalho desfaz mentiras da oposição que alardeava não vinda a Portel
Durante a semana que antecedeu a vinda de Jader Barbalho criou-se um estardalhaço patrocinado pelo grupo de Miro Pereira e pela descrença de que Jader não viria a Portel. Veio. E o que é pior: Os movimentos de Miro Pereira sempre foram pequenos, tendo a frente os seus apoiadores mais próximos, a ponto de muitos comentários maldosos dizerem que o povo não está apoiando essa candidatura. Mas, os achismos estavam errados.

Candidatos a vereador: pilares do grande movimento que assombrou oposição
Não se esperava que a oposição fizesse passeatas nas ruas como aconteceu, pois a única programação marcada e divulgada nas ruas era a do Paulo Ferreira (PP). Nessa surpresa estaria uma afronta liderada por Célio Alves que conduziu uma passeata por algumas ruas de Portel a iniciar pela rua Hugo Sabóia, onde se situa o diretório do PSD. O que se sucedeu após isso foi um movimento amplo nas ruas da cidade, com milhares de pessoas fazendo passeatas, cujo início se dava nas concentrações dos candidatos a vereador. O povo ficou boquiaberto ao ver tanta gente se manifestando em prol de Miro Pereira.

Violência e antidemocracia

Quando os fracos em mente perdem uma batalha, a primeira evidência da fraqueza é apelar para a violência. Foi o que sucedeu, o líder do movimento de sufoco à Onda Verde foi beber demais e tentar afrontar a comitiva de Jader Barbalho. (o texto continua pela manhã....)
Postar um comentário